Notícias

Junho 23, 2014 10:51 PM

O CAC - «Colectivo para uma auditoria cidadã à dívida pública», os nossos homólogos em França, apresentaram a 27 de Maio o seu contributo para o debate público sobre o problema da dívida em França. Está disponível AQUI.

 

Apresenta-se de seguida a tradução para português das principais conclusões daquele estudo, disponível AQUI, feita por Cristina Semblano.

Junho 6, 2014 12:00 PM

Caras/os subscritores, apoiantes e amigos

 

A petição entregue em 30 de Janeiro no Parlamento, no culminar da campanha: «Pobreza Não Paga a Divida/ Pela Renegociação Já», a que deu o seu apoio, conhece uma nova etapa.

 

Como se recordarão ainda alguns, depois da entrega formal ao Presidente da AR em audiência, seguiu-se a ronda pelos diferentes grupos parlamentares. O Partido Socialista foi o primeiro grupo político a receber-nos, nesse mesmo dia, revelando disponibilidade para analisar as nossas propostas. Reunimos posteriormente com os demais grupos parlamentares (exceto PSD e Verdes que não responderam ao nosso pedido). Em geral, essas audiências foram muito frutuosas. Permitiram-nos dar a conhecer os nossos propósitos, sensibilizar os partidos para a gravidade da situação, para a necessidade imperiosa de desencadear o processo de renegociação e de o preparar, garantindo transparência, e para o escrutínio do Parlamento e dos cidadãos de tal negociação.

 

Por todos foi reconhecida a seriedade e profundeza das nossas propostas alicerçadas, assinale-se, numa carta aberta aos deputados, numa proposta de guião sobre a reestruturação, ainda num documento sobre o direito de participação dos cidadãos, e numa proposta de modelo sobre o processo de acompanhamento e escrutínio do processo.

Maio 19, 2014 11:52 AM

A Comissão de Auditoria da Iniciativa para uma Auditoria Cidadã à Dívida (IAC) reuniu a 16 de maio de 2014 para avaliar a sua atividade e a evolução verificada no debate público acerca da necessidade e urgência da reestruturação da dívida e para programar a sua atividade futura. Seguem-se as principais conclusões da reunião.

 

O momento em que o governo celebra a partida da troika é o momento de relembrar que, com o resgate, Portugal ficou mais endividado, mais pobre e mais desigual e que, se nada mudar, mesmo sem a presença da troika o que está previsto é mais austeridade e mais empobrecimento durante décadas.

 

Sem reestruturação da dívida não há saída. Isso foi afirmado pela campanha «Pobreza não Paga a Dívida – Renegociação Já!» que culminou com a entrega em janeiro passado de uma petição na Assembleia da República. Essa é a exigência de cada vez mais cidadãos como o mostrou o pronunciamento a favor da reestruturação da dívida por parte de pessoas dos mais diversos quadrantes políticos em manifestos (nacional e internacional) e numa nova petição.

Maio 1, 2014 02:59 PM

21:00

Padaria do Povo, Campo de Ourique, Lisboa

 

Nós e a dívida, compreender para enfrentar

Com Rosário Caetano, activista da IAC

(a convite do movimento campOvivo)

Abril 18, 2014 06:53 PM

Relato de uma sessão realizada em Arouca,  por António Costa e Manuel Brandão Alves (publicado no jornal Discurso Directo).

 

Subordinada a estas questões, realizou-se no auditório  do Geopark, no passado sábado,  dia 5 de Abril, uma sessão de esclarecimento e debate.

 

A sessão foi organizada pela IAC – Iniciativa para uma Auditoria Cidadã à Dívida – e contou com a presença dos seguintes  oradores, investigadores e activistas da IAC:

 

* Drª Isabel Castro – ex deputada de ”Os Verdes”;

* Prof. Doutor José Maria Castro Caldas – investigador de Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra;

* Prof. Doutor José Reis – Director da Faculdade de Economia de Coimbra.

 

A apresentação da IAC e dos oradores, e a moderação da Sessão, foram feitas pelos nossos conterrâneos, Prof. Doutor  Manuel Brandão Alves e Dr. António Costa, respectivamente.

 

O número significativo de presentes e a participação activa no debate demonstraram  o interesse pelo tema da “dívida” e das  suas consequências sobre a vida de cada um e sobre a vida do país.